O Rádio Relógio e o Raio da Rotina

17:54 Lauana Buana Fidêncio 3 Comments





Às vezes, ficava bem satisfeita consigo mesma, mas então isso passava e aí voltava a sentir que era um ajuntamento torpe de matéria a arrastar suas pequenas mágoas pelo mundo, soterrada por uma rotina excruciante, suportável apenas na medida em que uma boa dose de autoengano acalentava no peito umas esperanças bastante tolas... 
E essa reflexão era de um masoquismo e crueldade consideráveis, que iam correndo-lhe, a passo e passo, o ímpeto de sair da cama a cada manhã.



3 comentários:

obebado disse...

Pura verdade!

Velharia disse...

Sua prosa é seu melhor pincel, surge com mais constância, é minha melhor leitura, gosto do seu "gosto" pela vida.

Kamikaze Kiwi disse...

Meu gosto pela vida anda de melhor a melhor!! Háaaaaaaaaaaaa!!!