Aliterações de Dora

21:07 Lauana Buana Fidêncio 1 Comments

A dor da forma que lhe empedra
A Dora que era uma rapariga
A derme da fôrma que lhe encerra
A dor sob a derme, Dora!

A dor que adora, Dora!
Doía-lhe na própria pele.