Mouse de Kiwi

20:21 Lauana Buana Fidêncio 2 Comments

"- Seja você mesma! - Animou-a a fada.
- Mas em cinco minutos?
- Se conseguir prolongar até lá...
- O encanto?
- O instante."
Lady Salieri:
www.probulimialiteraria.blogspot.com


Queria ao menos
O menos pensar na morte
O menos pesar a morte inexorável dos dias
Queria o oboé picollo a plenos pulmões
Dois limões em grossas fatias
Festas de domingo
Em que não houvessem mágoas
Ou mouses de frutas exóticas

Queria o menos
O menos que querências semi-sórdidas
Queria a missa de domingo
A carne e o sangue divinos
Queria os pequeninos pirilâmpos do brejo
E aquela estrela irremissível
Aquela consumida em seu próprio devaneio
O alteneiro de um gesto de navalha
O pulso aberto em sorrir avulso

Queria do rio o curso semi-sólido
O esvanecer da névoa mais difusa
O gemer da gesta em peste negra
O ranger de pecadores em inferno
O terno o terno do vigário
Em dias de folga

Queria os braços da madona
Aplacando o grande medo do escuro
As cantigas de roda
As brigas de mesmo amor
Entre duas pálidas raparigas
Queria que bem queria
Um bem querer intenso
Um arder de num só trago
Matar naquele imenso fosso
A sede de absinto
E leite materno.

2 comentários:

Velharia disse...

Leite tambem rola...

Velharia disse...

Por que você nunca escreveu de cerveja?